quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Redson (1962-2011)


Na noite da terça, 27 de setembro, o punk rock brasileiro perdeu um de seus maiores representantes: Redson, fundador e vocalista da banda paulista Cólera.

Reproduzo abaixo o e-mail que recebi, junto com as fotos que ilustram este post, de Cássio Renato Cerqueira, organizador do Agosto de Rock Festival, de Miracema, Tocantins, que em 2007 contou com a participação de Redson, como o próprio Cássio conta abaixo:

Em 2007, Redson esteve aqui em Miracema onde ministrou a palestra Faça Você Mesmo, atividade paralela do 4º Agosto de Rock Festival. A galera presente naquela histórica quarta-feira, na mais antiga casa de shows da cidade, o Iracema Clube, ouviu histórias preciosas da cena musical underground brasileira, relatadas por um de seus maiores expoentes.



O impacto da palestra de Redson, aqui na pequena e pacata Miracema, impulsionou, posteriormente, a criação de um novo movimento cultural na cidade, o FAÇA VOCÊ MESMO, que tinha o objetivo de fomentar atividades coletivas que envolvam o lazer, educação e cultura popular no município.



REDSON, SUAS MENSAGENS SERÃO NOSSA ETERNA BANDEIRA!

PAZ...

Cássio Renato Cerqueira

Diretor Geral – Inusitada Produções

Agosto de Rock Festival


***

Redson também foi lembrado pelo blogueiro goiano Eduardo Mesquita, o Inimigo do Rei. Fã de Redson desde a adolescência, ele conta em Redson, agora para sempre. como criou coragem para convidar o ídolo para gravar junto com sua banda, Sangue Seco, a faixa "O Grito é Nossa Voz", que ouvimos a seguir.




2 comentários:

  1. Fábio, tu é um irmão. A foto desse sujeito bom precisa correr mundo mais e mais vezes, assim como a mensagem que ele sempre se preocupou em passar. Redson foi um marco para roqueiros, produtores, artistas em geral e pessoas que se valorizam e reconhecem sua responsabilidade nas trasnformações que o mundo precisa e merece. Grato por divulgar, GaúchoNortista! Há braços!

    ResponderExcluir
  2. Eu que agradeço, meu caro Eduardo, seu comentário aqui no blog.

    Parabéns por ter tido a coragem de convidar Redson a gravar com vocês, e o relato do episódio só me reforçou o que penso sobre como os verdadeiramente grandes são humildes.

    Há braços!

    ResponderExcluir