sábado, 11 de janeiro de 2014

Cinema: Frozen - uma aventura congelante


Por Calila das Mercês,
de Salvador

Um conto de fadas que vai além de história de princesas que ganha um beijo do príncipe no final da trama e vivem felizes para sempre. Frozen: uma aventura congelante traz como um dos temas a fraternidade entre duas irmãs, Elsa e Ana. Durante os primeiros anos da infância as duas são muito unidas até que Elsa, dotada de poderes mágicos, atinge a irmã mais nova em uma brincadeira com neve. Os pais, o rei e a rainha de Arendelle, decidem que a princesa mais velha deverá crescer sozinha, longe de todos e com as mãos escondidas, por temerem que Elsa possa cometer outros erros.  

E o tempo vai passando e Ana não compreende o motivo pelo qual sua irmã nunca abre a porta para ela. O  ápice da história é o dia da coroação de Elsa. Ana, ao dizer que vai casar-se com um jovem príncipe que acabara de conhecer, deixa a irmã furiosa e a mesma perde o controle e começa a arremessar gelo e neve por todo o reino, transformando a primavera em inverno. (E não contarei mais adiante para não perder a  graça, mas confesso, que é um filme cheio de lições!). 

Além de já estar entre os pré-selecionados para concorrer o Oscar 2014, este já é o segundo filme da Disney em sucesso de bilheterias, perde apenas para O Rei Leão. No Brasil, Olaf, o divertido boneco de neve da trama, ganhou vida na voz do ator e comediante Fábio Porchat.

O filme está em cartaz em todo o Brasil, tanto em 2D quanto em 3D. Para quem gosta das canções dos filmes da Disney, este também é recheado delas, considerado até uma animação musicada, por ter mais músicas que outros filmes do mesmo gênero. 

Frozen é o 53º filme animado produzido pelos estúdios Disney e é baseado de forma sucinta no conto de fadas A Rainha da Neve, de Hans Christian Andersen.

Nenhum comentário:

Postar um comentário