domingo, 4 de maio de 2014

Uma visita ao Museu de Arte do Rio

Por Calila das Mercês,
de Salvador

        
Mais uma opção para quem vai passear no Rio de Janeiro e gosta de programações culturais é o Museu de Arte do RioMAR -, localizado do centro da cidade. Com uma vista panorâmica da área central da capital carioca o passeio começa.

Foto: Humberto Teski

Inaugurado em 2013, o Museu oferece sempre exposições de diferentes lugares do país e do mundo. Desta vez, pude conferir duas bem diferentes uma da outra, mas ambas muito interessantes e criativas. O Museu tem uma excelente estrutura e para quem vai ao centro do Rio é um bom lugar também para tomar um café e prosear com amigos e colegas.

Sobre as exposições que estão em cartaz: 
  • Josephine Baker e Le Corbusier no Rio – Um Caso Transatlântico – uma viagem ao encontro do arquiteto renomado, considerado referência mundial, Le Corbusier e a dançarina, cantora e atriz negra que inovou e ousou com sua arte, Josephine Baker. Ambos são considerados grandes personagens da vanguarda. A exposição conta com obras, documentos, vídeos, fotografias, cartas, poltronas em que o público pode sentar para ver os vídeos relacionados ao transatlântico, entre diferentes formatos que ilustram essa história.


A exposição traz também um trabalho rico sobre o Movimento de Arte Pornô, com fotografias, recortes de jornais, músicas, vídeos, etc. e sobre o ator Mario Montez, muito conhecido por suas performances ousadas, e segundo informações da exposição, tudo isso remete a “estética criada por Josephine na cultura mais recente.” Uma ressalva apenas para a curadoria que falhou na disposição das legendas (muito baixas e confusas).

  • Outra exposição também interessante é a Experimentando Pernambuco Experimental, pois conta com uma espécie de laboratório experimental em que o público pode participar, criando, reinventando e acrescentando “sua obra de arte” junto as demais ideias já presentes. Com curadoria de Clarissa Diniz e Paulo Herkenhoff, o trabalho permeia entre as obras de José Cláudio, Paulo Bruscky, Montez Magno, Daniel Santiago, Lula Cardoso Ayres, Raul Córdula e Jomard Muniz de Britto.



Serviço

O Museu funciona de terça a domingo, das 10h às 17h. Às terças-feiras a visita é gratuita para todos. Nos outros dias, existem alguns critérios para a gratuidade que pode ser conferida no site.

Nenhum comentário:

Postar um comentário