domingo, 15 de junho de 2014

Poeta do Mês: Carlos Correia Santos (3)

DADO AOS DEDOS

Carlos Correia Santos

Meus cinco dedos da mão direita
são tempo, cor, violino, dor,
fantasia.

Aponto o hoje, anel de verde,
toco o amanhã, dedilho lágrima,
sorriria.

Mas meus dedos da mão esquerda
são pedra, breu, fogo, eu
e o que ninguém seria.

Furo o chão, apago o não, nego o teu,
escrevo o meu e, com a unha,
risco poesia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário