segunda-feira, 9 de março de 2015

Bahia: Mostra de Cinema Indígena chega à 4ª edição

Índios Kiriri assistem a uma exibição anterior da Mostra


O Cine Kurumin, com exibição filmes a céu aberto em aldeias da Bahia, chega à quarta edição. Entre os dias 12 a 21 de março, a mostra vai acontecer na comunidade Kiriri de Mirandela, no município de Ribeira do Pombal – a 300 km de Salvador. Com 30 produções, a mostra tem curtas, médias e longas-metragens. O projeto é patrocinado com recursos do Fundo de Cultura do Estado da Bahia, por meio do edital 10/2013 de Culturas Identitárias, da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia/Centro de Culturas Populares e Identitárias.

A seleção traçou um panorama das produções atuais com temática indígena e destaca obras premiadas em festivais nacionais e internacionais, como o filme As Hipermulheres, do cineasta indígena Takumã Kuikuro, que estará presente na exibição e no debate do filme na aldeia. Ariel Ortega, realizador Guarani-Mbya, e Jaborandy Tupinambá também são convidados da mostra.

“O Cine Kurumin abre espaço para exibição e produção de filmes indígenas, e também para o debate sobre a circulação dos conteúdos audiovisuais indígenas”, afirma a curadora da mostra, Thaís Brito.

Nos últimos anos, a produção audiovisual indígena tem revelado cineastas e projetado o cinema brasileiro em eventos internacionais como a 65ª edição do Festival de Berlim, em fevereiro. “Queremos estimular a rede de distribuição desses conteúdos em festivais de cinema e mídias digitais e televisivas e formar público para o cinema indígena”.

A Aldeia Kiriri de Mirandela receberá 30 filmes realizados por cineastas das etnias Kuikuro, Tupinambá, Maxacali, Ikpeng Guarani, Xacriabá, Xavante, Fulni-o, e Ashaninka. Os realizadores participarão das sessões, com bate-papos na comunidade após a exibição dos filmes.


Mostra em aldeia Tupinambá


Serão exibidos, também, filmes da “Coleção Cineastas Indígenas para Jovens e Crianças”, do Vídeo nas Aldeias, e haverá uma mostra especial de animações com temática indígena, a Mostra Minha Aldeia Animada, com a exibição de cinco curtas de animação.

Durante os 10 dias do evento, indígenas Kiriri vão criar vídeos em processo colaborativo no período da formação, sob a orientação do pesquisador e realizador mineiro Bernard Belisário.

Programação completa no site: https://cinekurumin.wordpress.com/

Serviço

Cine Kurumin - Mostra de Cinema Indígena
Onde: Aldeia Kiriri de Mirandela – situada a 24km da cidade de Ribeira do Pombal
Quando: 12 a 21 de março
Quanto: Gratuito
Realização: Espalha Semente



Nenhum comentário:

Postar um comentário